O NJAP

O Núcleo de Jornalismo Académico do Porto [NJAP] é uma associação juvenil, criada a 3 de novembro de 1987 pela mão dos ex-alunos Jorge Pedro Sousa e Diogo Vasconcelos, que edita, há 27 anos, o Jornal Universitário do Porto [JUP]. Paralelamente, dinamiza uma galeria de arte, bem como seminários, conferências e workshops nas áreas do jornalismo, design e fotografia. São igualmente da responsabilidade editorial do NJAP as publicações Águas Furtadas e A Ponte.

O NJAP contou desde o início com a colaboração de muitos jovens que deixaram o seu legado de trabalho e que com eles levaram uma mão-cheia de estórias e de experiências enriquecedoras. Merecem uma menção de especial carinho Diogo Vasconcelos, membro fundador da associação e ex mandatário do Professor Doutor Aníbal Cavaco Silva; Jorge Pedro Sousa, membro fundador, hoje diretor do curso de jornalismo da Universidade Fernando Pessoa; Pedro Pombo, sociólogo e responsável pelo setor de envolvimento da população na sociedade Porto 2001; Nuno Corvacho, atualmente jornalista do jornal Público; João Teixeira Lopes, sociólogo e professor da Faculdade de Letras da Universidade do Porto; Paulo Pimenta, fotojornalista do jornal Público; entre tantos e tantos outros.

Hoje, e como no princípio, o NJAP continua a ser um espaço aberto à pluralidade de opiniões e de estilos, um projeto de recusa de exclusão e onde todos cabem, e a voz de uma Academia tantas vezes adormecida por rotinas e persistências, que precisa urgentemente da valorização do estatuto do estudante como elemento ativo da sociedade do mundo atual. Foi um desafio em 1987; hoje é uma necessidade permanente.

Missão

  • Missão 
Promover o debate social;
  • Estimular a criação e difusão artística, cultural e científica;
  • Incentivar a participação cívica na academia e na cidade;
  • Refletir sobre a política educativa;
  • Proporcionar a espontaneidade de projetos;
  • Ser espaço de valores emergentes;
  • Interagir com a Academia;
  • Contextualizar a formação jornalística com a vida ativa;
  • Pugnar pela dignificação do jornalismo académico;
  • Estimular uma cidadania crítica.

Visão

Jornalismo como espaço de liberdade, responsabilidade e vigilância que acompanha, analisa e reporta as tendências políticas, sociais, culturais e tecnológicas, contribuindo para o progresso crítico da comunidade portuense.

Valores

  • Liberdade
  • Responsabilidade
  • Criatividade
  • Vigilância
  • Imparcialidade
  • Qualidade

Órgãos Sociais

Gonçalo Norton Lages

Presidente da Direção

Pedro Ferreirinha

Vice-Presidente da Direção

Ana Regina Ramos

Tesoureira da Direção

Mariana Durães

Vogal da Direção

Lara Lopes

Vogal da Direção

Bernardo Machado

Vogal da Direção

Maria Filipa Albergaria

Vogal da Direção

Jéssica Maciel

Presidente do Conselho Fiscal

Bárbara Baltarejo

1ª Secretária do Conselho Fiscal

Joana Magalhães

2ª Secretária do Conselho Fiscal

Rui Leal de Oliveira

Presidente da Mesa da Assembleia Geral

Érica Teixeira

2ª Secretária da Assembleia Geral

Catarina Vasconcelos

1ª Secretária da Assembleia Geral

Contactos